escort ankara bayan escort bayan ankara escort bayan bayan escort ankara escort bayan ankara

O Deus que se revela
 

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

O Deus que se revela

Pr. Paulo Cirelli

“As coisas encobertas pertencem ao SENHOR, nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem, a nós e a nossos filhos, para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei.” (Dt 29.29)

Algumas coisas são “encobertas” à capacidade de percepção do ser humano. Porém, outras são “reveladas”. Deve ser evidente para todos nós, que as coisas “encobertas” não nos pertencem, mas certamente pertencem ao Deus Eterno.

O fato de pertencer a Deus, tem um significado imediato para o nosso aprendizado:

1) Pertencem a Deus e Ele não quer nos revelar.

2) Sendo o Senhor, um Deus de misericórdia, essa informação que Ele é misericordioso, é uma revelação, em Sua infinita sabedoria, que também é uma revelação, assim o fez por algum motivo, que não nos compete indagar.

3) O que está “encoberto”, não significa que está “fora de controle”, pelo contrário, Ele tem o controle de todas, absolutamente todas, as coisas.

4) O texto diz também que não precisamos das coisas “encobertas” para obedecê-Lo, pois as “reveladas” são suficientes para cumprirmos o que Ele nos pede.

5) A questão trata de nos provar no seguinte : Como vou me comportar diante de um fato, ou circunstância que eu não estou entendendo? Como vou agir diante de coisas “encobertas”?

Perceba o outro lado do versículo. Ele nos diz que há coisas “reveladas” e que elas são suficientes para vivermos em obediência a Deus. Louvado seja o Senhor!

Nosso Deus é um Deus que fala, e através de sua fala, Ele nos revela o necessário . É maravilhoso saber as coisas “reveladas” e saber que elas são suficientes para servirmos à Deus.

Como Deus Fala?

Quando lemos o texto de Hebreus 1.1 e 2: “Havendo Deus, outrora, falado, muitas vezes e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, nestes últimos dias, nos falou pelo filho”.

Já no texto de 1 Pedro 1.13 nós lemos que: “Por isso, cingindo o vosso entendimento, sede sóbrios e esperai inteiramente na graça que vos está sendo trazida na revelação de Jesus Cristo”.

Portanto, Jesus Cristo é o porta voz das principais revelações de Deus o Pai. Jesus disse:”E quem me vê a mim vê aquele que me enviou” (Jo 12:45).

O que está revelado pelo Filho Jesus, está também “aliançado” e é eterno (veja Hb 9.11 a 28).

O maior perigo que corremos é quando por nossa conta, achamos que Deus está demorando. E aí, como aconteceu no deserto, recorremos ao “bezerro de ouro”, como fez o povo de Israel no monte Horebe (Ex 32).

Este povo violou quatro dos dez mandamentos: o primeiro, o segundo, o terceiro e o sétimo. Eles não resistiram a “demora” de Deus. Forçaram em descobrir ou resolver o que estava “encoberto”. Foi um desastre para todos que participaram.

Nosso relacionamento com Deus, somente é possível por que Ele se revelou. Esta revelação nos permite viver em obediência e aguardar a sua volta, glorificando-O a cada dia da nossa existência.

Deus é bom!

Você está aqui: Devocionais Pr. Paulo M. Cirelli O Deus que se revela