escort ankara bayan escort bayan ankara escort bayan bayan escort ankara escort bayan ankara

O cristão vigilante
 

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

O cristão vigilante

Pr. Paulo Cirelli

“Estejam alertas e vigiem. O Diabo, o inimigo de vocês, anda ao redor como leão, rugindo e procurando a quem possa devorar. Resistam-lhe, permanecendo firmes na fé, sabendo que os irmãos que vocês têm em todo o mundo estão passando pelos mesmos sofrimentos. O Deus de toda a graça, que os chamou para a sua glória eterna em Cristo Jesus, depois de terem sofrido durante pouco de tempo, os restaurará, os confirmará, lhes dará forças e os porá sobre firmes alicerces. A Ele seja o poder para todo o sempre, Amém.” (I Pe 5.8-11).

O Apóstolo Pedro com toda autoridade e força manda que lancemos sobre Jesus Cristo toda a nossa ansiedade (vs. 7), o fato de deixarmos com Cristo todas as preocupações não dá o direito de sermos descuidados quanto à vida secular e material e principalmente a vida espiritual. Há um poderoso inimigo à espreita.

Sabemos que as forças do mal já foram derrotadas por Cristo (I Pe 3.18-22) e finalmente serão destruídas, pois o Diabo sabe que lhe resta pouco tempo, por isso que ele sempre está cheio de fúria (Ap. 12.12), e enquanto o fim de nosso inimigo não se concretize, o crente precisa estar alerta, vigiar e resistir.

Estar alerta é o mesmo que estar sóbrio. A sobriedade é obtida pela prática e o conhecimento da Palavra de Deus. A apreensão da Palavra de Deus no coração produz obediência e com ela vem a sobriedade. Para entender o que é ser sóbrio é só pensar em uma pessoa embriagada ou drogada, sobriedade é o contrário deste estado. O desespero pode causar um estado contrário à sobriedade, e desespero não leva a nada.

Vigiar é o estado físico e espiritual de manter os olhos abertos, manter-se despertos. E isto é promovido pela oração, pelo hábito contínuo de falar com o Senhor Deus. A oração é uma arma poderosa onde Deus indica quais estratégias para lidar com as dificuldades da vida e os ataques do inimigo e vencê-los. Como crentes oramos, porque cremos que Deus ouve e responde. Como crentes temos paz, mas não significa que estamos definitivamente em férias, precisamos orar. Isto é vigiar.

Outra arma poderosa contra o inimigo é a resistência. Resistir é ficar firme na fé. O crente não pode sucumbir ou esmorecer, precisa manter-se firme. Satanás só é poderoso enquanto contar com a simpatia da pessoa que ele tenta. Este inimigo explora toda tendência do mal que encontrar na pessoa que tenta, quando encontra resistência firme o Diabo foge do crente. A resistência ao inimigo está baseada na fé. A vitória sobre satanás depende de ficarmos firmes na fé, pois isto nos liga a Cristo de quem dependemos integralmente.

Esta recomendação bíblica envolve todos os âmbitos da vida do crente. Sua conduta e procedimento, sua forma de falar, seus pensamentos, suas avaliações e julgamentos, seus propósitos, sua esperança e expectativas estarão guardadas nos padrões de uma vida defendida pelo Todo Poderoso.

O Deus, autor e fonte de toda a graça suficiente para tudo que precisamos se manifestará e nos aperfeiçoará, confirmando com sua força e poder colocando-nos sobre firmes alicerces para seguirmos. A Ele toda glória!

Deus é bom!

Você está aqui: Devocionais Pr. Paulo M. Cirelli O cristão vigilante