escort ankara bayan escort bayan ankara escort bayan bayan escort ankara escort bayan ankara

Liberdade em Cristo...
 

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Liberdade em Cristo...

Pr. Marcos de Almeida

"Porque não faço o bem que prefiro, mas o mal que não quero, esse faço." (Rm 7.19).

O apóstolo Paulo logo reconhece que nada de bom habita nele, em sua carne. Isto não significa que não pode fazer o bem. Significa que muitas vezes não se é capaz de transformar bons desejos em boas ações. Por isso, devemos reconhecer em nós a pecaminosidade inata. A cada momento de nossa existência ainda seguimos oprimidos pela natureza humana que é egoísta.

Este é o conflito que todos vivemos. Há desejos voltados para o bem, mas nem sempre os faço. Ou seja, há um "eu" dividido em mim mesmo, a saber: um eu que quer realizar o bem, mas não consegue. Por outro lado, existe um eu pervertido que faz o que odeia e não o que realmente gostaria.

A boa notícia é que tal conflito é algo que somente acontece com que é regenerado. Sim, pois tal pessoa conhece, deseja e ama a lei de Deus. Seu prazer está nesta lei, porém logo descobre que não consegue obedecê-la.

Quando um cristão genuíno peca, o faz contra sua razão, contra seu desejo, contra seu próprio consentimento. Então, descobre que a lei não pode ajudá-lo, pois não tem capacidade para isto. A lei não pode salvar.

Chegamos à conclusão que o responsável é o pecado que habita em nós. Este pecado nos leva sempre ao fracasso e as derrotas. Como resolver esta situação? Como tratar com este conflito? A resposta é simples: somente pelo poder do Espírito Santo.

O poder do Espírito Santo já está em cada cristão verdadeiro, libertando-nos da lei do pecado e da morte e dando a garantia que vamos ressuscitar no final. A vitória verdadeira sobre o pecado é uma vida no Espírito, ou seja, uma vida animada, sustentada, orientada e enriquecida pelo Espírito Santo.

Já estamos salvos. A bênção da salvação é que nenhuma condenação há para os que estão em Jesus Cristo. Ou seja, o nosso pecado foi condenado por Deus em Cristo. Se Jesus te justificou, então ninguém pode te condenar, porque Ele morreu, ressuscitou, está à direita do Deus Pai e intercede por nós.

Já estamos livres. É porque já fomos libertados que não há nenhuma condenação. Todos os que nascem em Cristo experimentam esta libertação. Foi Deus quem tomou a iniciativa de fazer o que a lei não podia fazer. Deus deu o Seu Espírito para habitar em nós, que nos capacita a obedecer e transformar bons desejos em boas obras.

Fazer o bem é o alvo do ser humano sadio. Porém, atingir tal alvo é realidade somente daqueles que estão sob poder do Espírito da Vida. É desejo de Deus que seu povo viva de modo correto e sadio, numa conduta santa, cheia de boas ações. Deve ser resposta nossa agradar o nosso Deus, que nos sustenta, nos anima e nos guarda de todos os males.

Assim, não conseguirei fazer o bem que quero quando dependo de mim mesmo. Somente realizarei o mal que não quero. Mas, se me posiciono na convicção que o Espírito é meu capacitador, então farei o bem que prefiro e não o mal que não quero. Amém.

Você está aqui: Devocionais Pr. Marcos de Almeida Liberdade em Cristo...