escort ankara bayan escort bayan ankara escort bayan bayan escort ankara escort bayan ankara

Quietude e confiança
 

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Quietude e confiança

 

Marco Soares

 

“Diz o Soberano Senhor, o Santo de Israel: “No arrependimento e no descanso

está a salvação de vocês, na quietude e na confiança está o seu vigor,

mas vocês não quiseram.” ” Isaías 30.15

 

O texto proposto para meditação é profético. Parte dele já se cumpriu, outra parte ainda não, mas ambas, nos oferecem princípios interessantes para o viver. A própria escritura diz o seguinte: “Agora vá, escreva isso numa tabuinha para eles, registre-o num livro, para que nos dias vindouros seja um testemunho eterno.” (v. 8). Temos então três princípios que podemos aplicar em nossa vida cotidiana.

"Ai dos filhos obstinados", declara o Senhor, "que executam planos que não são meus, fazem acordo sem minha aprovação, (v. 1). Pessoas que vivem para si e para seu benefício, o ministério dos profetas sempre trouxe alertas ao seu povo, para que evitar a tragédia que ocorreu na história de Israel. Nosso ministério deve nascer do mover de Deus em nossa vida e não nascer em nossas certezas. Sejamos obstinados apenas em manter um coração humilde.

“Esse povo é rebelde; são filhos mentirosos, filhos que não querem saber da instrução do Senhor.” (v. 9). Crer é também pensar, segundo nosso irmão John Stott, a fé é dom de Deus, mas o seu desenvolvimento depende de nossa resposta ao amor de Deus. Nosso esforço em conhecer as Escrituras e atender ao convite de Deus à oração fazem a diferença na vida. A obediência é a principal forma de percebermos se amamos a Deus (Jo 14.15).

“Contudo, o Senhor espera o momento de ser bondoso com vocês; ele ainda se levantará para mostrar-lhes compaixão. Pois o Senhor é Deus de justiça. Como são felizes todos os que nele esperam!” (v. 18) Apesar do coração duro do ser humano, representado aqui pelos judeus, os próximos versos (19-33) irão falar a respeito de Sua misericórdia, que olha para cada um e vê a intenção com a qual obedecemos, Ele aguarda o momento de se revelar e demonstrar o seu amor. Sua mensagem profética fala também do final dos tempos, traz esperança, inicialmente a um povo, que ainda seria levado cativo, assim também como para nós hoje que somos peregrinos neste mundo, vivendo como estamos, na presença do pecado e um dia teremos nossas lágrimas recolhidas pelo Eterno (Sl. 56.8; Ap. 21.4).

Como são felizes todos os que nele esperam!” que esta seja felicidade encontrada em nós! Amém.

Você está aqui: Devocionais Marco Antonio Soares Quietude e confiança