escort ankara bayan escort bayan ankara escort bayan bayan escort ankara escort bayan ankara

E se?
 

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

E se?

 

Marco Soares

“Bem-aventurados os mansos, porque herdarão a terra.” (Mt 5.5ARA).

“Abençoados são vocês, que se contentam com o que são — nem mais, nem menos. Assim, vocês se verão como os

orgulhosos donos de tudo que não pode ser comprado.” (Mt 5.5 – Bíblia: A Mensagem).

 

Somos seres que têm fome. Fome, não apenas de arroz e feijão, temos ainda desejos e anseios. Em certa medida, isto é importante, pois desperta a vontade e a força para se cumprir as exigências do dia a dia.

Mas, esta fome também pode nos levar para outros lugares. Como um pássaro que, em alguns momentos, voa longe, assim também nossa mente voa... E vem a pergunta em nosso interior:

 * E se eu fosse o chefe?

* E se estudasse em tal escola?

* E se eu nunca errasse?

* E se eu nunca ficasse doente?

* E se eu comprasse um celular melhor?

* E se eu recebesse uma herança, de um tio desconhecido?

Imaginamos que ocupar o lugar de outro, trará a alegria que nos deixou em certo momento. Quando isto acontece, é porque estamos distantes da satisfação que Deus nos dá... estamos longe do Evangelho.

Reflita que, pensar que a vida do outro é sempre melhor, esconde uma mentira. A verdade é que a minha alegria não está em eu “ser algo mais”... Mas, a alegria se encontra quando sei que sou filho de Deus. O salmo 16, versos 8 e 9: Noite e dia, portanto, ficarei com o Eterno. Tenho uma coisa boa em meu poder e não vou deixá-la escapar. Estou feliz por dentro e, por fora, firmemente formado.

Ser formado traz a ideia de satisfação consigo mesmo. Ser pleno é ser para outros, para aqueles que precisam de acolhimento, que precisam de um ombro amigo, que precisam de uma chance, uma porta aberta. Ser pleno é ser igual ao Filho, que é a imagem do Deus infinito. Ser pleno é ser conhecedor de seus próprios limites e respeitador do limite dos outros, sendo sabedor de suas potencialidades. É ser feliz com o que se tem, apesar de não ter tudo o que se deseja. Ser pleno é desejar sempre o Eterno, ainda que atravessando um vale.

Digo ao Eterno: Sê o meu Senhor!” Sem ti, nada faz sentido. (Sl 16.2)

Somente quando dedicamos um tempo devocional e intencional, de qualidade para a comunhão com o Senhor durante o nosso dia, buscamos a plenitude. Nesta busca temos a mente renovada, e nossa gratidão será manifesta a Deus, bem como àqueles que nos cercam. O contentamento é diretamente resultado do poder da cruz atuando em nós.

Que isto seja realidade em nosso viver. Amém!