escort ankara bayan escort bayan ankara escort bayan bayan escort ankara escort bayan ankara

Uma Linda História
 

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Uma Linda História

 

Marco Soares

 

Porque, se de todo te calares agora, de outra parte se levantará para os judeus socorro e livramento, mas tu e a casa de teu pai perecereis; e quem sabe se para conjuntura como esta é que foste elevada a rainha? Ester 4.14

Uma das formas que podemos ler o livro de Ester na Bíblia é como o livro das festas. Sim, várias festas são relatadas. Algumas para celebrar a grandeza de um homem, outras para revelar e celebrar a verdade, que dá vida. Outras para revelar a soberania de Deus quando protege um povo.

O rei Xerxes, para mostrar o seu poderio dá uma festa para os mandatários de suas diversas regiões. Poderia ser chamada a ‘festa dos distantes de Deus’, a cidadela de Susã era terreno real. De que adianta o governo, o poder sem Deus? Só resta a corrupção do humano e o desinteresse pelo problema alheio, então as festas alimentam a falsa sensação de que tudo vai bem, a festa da alienação, para mostrar a força de um sistema humano (Ester cap. 1 - 2).

Ester, é impressionante sua personalidade, parece José do Egito de saias. Todo mundo gosta dela, além de bonita ela é agradável e chamou a atenção do rei. Encontrou o favor do rei (Et 2.9) o que era um feito bastante importante como se perceberá no decorrer da história. Este favor é posto à prova, quando por maracutaia política, Hamã por raiva de Mordecai (primo de Ester e líder do povo judeu), faz com que um edito seja feito pelo rei para que os judeus fossem mortos. Pois bem, a festa de Ester representa, a espiritualidade de uma rainha em ação. Sua vida e posição correriam risco, mas entregou a sua causa nas mãos de Deus, e a verdade veio a tona, não seria mais a arrogância de Hamã que prosperaria, mas a causa do povo de Deus. A festa da verdade (Ester cap. 3 - 7).

A soberania de Deus é a causa de nosso  viver, é o motivo de nosso respirar. Ele cuida de nós! Esta é a festa do Purim. Os judeus seriam dizimados ali em Susã e a mensagem chegaria a Jerusalém, imagine o desânimo e problema nas mãos de Esdras e Neemias que estavam trabalhando pela reconstrução do muro e do templo, além de um avivamento para os judeus, um retorno a fé dos  pais Abraão, Isaque e Jacó.

Da mesma forma Deus tem  se levantado por nós e nos guardado do mal, enquanto nos dedicamos em nos voltar para Deus, enquanto cumprimos nossos afazeres, nem sempre reais, possamos ser úteis ao nosso próximo, a começar em nossa família. Identificar o problema e orando para saber como ajudar, afinal será que não foi por isso que Deus nos colocou onde estamos? A festa da soberania (Ester 8 - 10)

Consideremos celebrar com alegria a nossa vida e quem está conosco, amém!

Você está aqui: Devocionais Marco Antonio Soares Uma Linda História